top of page

SEMIFINALISTAS do 3° Pena de Ouro: Roberto Grave (CONTO)


✨ Conheça os SEMIFINALISTAS do 3º Prémio Internacional Pena de Ouro na categoria CONTO! ✨


Os posts estão sendo feitos por partes. Fique ligado para não perder nenhum! 😉

.

SEMIFINALISTA: ROBERTO GRAVE

.

Nascido em julho de 1953, baiano/soteropolitano Roberto Grave, buscou na escrita combater o tédio de uma aposentadoria, descobrindo uma ocupação bastante prazerosa. Iniciou desde 2004 com uma série de reflexões que resultaram numa coletânea de quarenta textos, pretensiosamente intitulada Ensaio da Razão,considerada pelo autor impublicável pelo caráter pessoal, quase escrita de confessionário. Coisas de momentos!


Inevitavelmente parte para a ficção e nascem as primeiras crias, como: (Des)caminhos, O Casamento, Luto da Esperança, Manhã de Dezembro, Crime da Rua do Gás, alguns já publicados quando começa a fuçar e participar de Concursos Literários, onde em 2009 participa pela Livraria Asabeça, que lhe confere a primeira colocação com a publicação do Livro homônimo ao Conto ‘Luto da Esperança e outros Contos’ lançado na Bienal de São Paulo/2010, como prêmio.


A maioria das crias, aguarda pacientemente sua vez de sair de casa, ganhar o mundo.


Após um longo marasmo, expulsa “O Adorável Ranzinza – uma autobiografia póstuma não autorizada” , desentocando do fundo da memória do computador para participar do Prêmio Internacional Pena de Ouro/2021. Ano seguinte, concorrendo ao mesmo prêmio, inscreve “A Errante” codinome da felicidade, onde mais uma vez brinca com o surreal. Ambos ficando entre os 25 semifinalistas do Concurso, posição que enche de orgulho esse eterno aprendiz de escritor.


Hoje, quando não está labutando com a palavra, inquieta-se. Assim, escrever voltou a ser sua grande paixão, e como toda paixão, uma necessidade. Acalma, ocupa, deixa-o feliz e prazerosamente vai dando cria. Hoje, com material suficiente, procura a publicação do seu segundo livro.

7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page